Missa marca um ano de espancamento de empregada doméstica no Rio

Rio – Uma missa hoje (23), às 11h, na capela do Instituto Isabel, na Tijuca, marca um ano do espancamento da empregada doméstica Sirlei Dias Carvalho Pinto por um grupo de jovens de classe média, no Rio.

Na madrugada do dia 23 de junho do ano passado, Shirley foi espancada em um ponto de ônibus da Barra da Tijuca por um grupo de jovens. Eles justificaram o crime alegando ter pensado que a jovem era um prostituta.

Sirlei está na terceira renovação do auxílio-doença, benefício concedido pela Previdência Social pela comprovação da incapacidade temporária de trabalho.

Na área civil, a ação de indenização aguarda julgamento de recurso apresentado pelos advogados de defesa em instância superior.

Os réus continuam presos.

Comente

Required fields are marked *
*
*

%d blogueiros gostam disto: