Para economista, Brasil pode aumentar exportação agrícola com alta dos alimentos

Brasília – A alta dos preços dos alimentos pode ser uma oportunidade para o Brasil expandir as exportações de produtos agrícolas. A avaliação foi feita pelo professor de economia da Unicamp, Antonio Márcio Buainain, em entrevista à Rádio Nacional.

O economista acredita que o principal efeito negativo da alta dos alimentos sobre a economia brasileira é contribuir para a retomada da inflação, que “afeta principalmente, e de maneira mais severa, a população de baixa renda”. Buainain descartou, no entanto, que esteja havendo crise no Brasil.

O economista fez um alerta sobre os problemas de infra-estrutura do país “que se agravarão à medida que a produção de alimentos e matérias-primas agrícolas se expandirem”. Entre os entraves para o crescimento da produção brasileira, Buainain citou os juros altos e a carga tributária “excessiva”.

A relação do agronegócio com o meio ambiente é outro ponto que merece destaque, segundo ele. “Nós não podemos pensar em uma solução para expandir a produção de alimentos às custas do meio ambiente ou de um uso energético ineficiente”, ressaltou.

De acordo com o economista, o Brasil já teve outras oportunidades de crescimento semelhantes a que se vê agora com a alta dos preços dos alimentos, mas não soube aproveitar. Para ele, são importantes investimentos para superar os “obstáculos” e “transformar oportunidades em desenvolvimento, em riqueza, em contribuição para o bem-estar da população brasileira”.

———-

Da Agência Brasil

Comente

Required fields are marked *
*
*

%d blogueiros gostam disto: